Amlodipina

A Amlodipina é um chamado bloqueador dos canais de cálcio. Este fármaco faz com que os vasos sanguíneos se dilatem, para que o coração necessite de menos oxigénio e a tensão arterial baixe. Mais informações

O seu pedido será analisado por um médico, que prescreverá uma receita se aplicável. A receita é encaminhada para uma farmácia, que lhe enviará o medicamento dentro de 1 a 3 dias úteis. Leia aqui mais informações sobre este processo.

Serviço
Custos do pedido
Serviço – Custos do pedido
Folheto(s) para o paciente

O que é Amlodipina?

A Amlodipina é um chamado bloqueador dos canais de cálcio. Este fármaco faz com que os vasos sanguíneos se dilatem, para que o coração necessite de menos oxigénio e a tensão arterial baixe.

O que trata a Amlodipina?

A Amlodipina é utilizada para tratar a tensão arterial elevada, espasmo cardíaco (angina) e síndrome de Raynaud.

Como usar Amlodipina?

A Amlodipina deve ser tomada a horas fixas. Caso sofra de tonturas, é aconselhável tomar o medicamento à noite.

Dosagem

Amlodipina está disponível em comprimidos de 5 e 10 mg. O seu médico deve aconselhar a dose a tomar. A dose normal é de um comprimido diário. Siga sempre o conselho do médico. Uma dose esquecida pode ser tomada até 16 horas mais tarde. Nunca tome dois comprimidos de Amlodipina de uma só vez para compensar uma dose esquecida. Em caso de sobredosagem, pode ocorrer uma baixa de tensão arterial perigosa. Atenção: consulte sempre um médico em caso de sobredosagem.

Efeitos secundários

Foram notificados os seguintes efeitos secundários:

  • Tonturas, sonolência, dor de cabeça
  • Palpitações, rubor
  • Distúrbios intestinais ou do estômago
  • Edema
  • Fadiga

Consulte o folheto para a lista de possíveis efeitos secundários.

Quando não tomar Amlodipina (contraindicações)

A Amlodipina não deve ser utilizada em caso de alergia à substância ativa Amlodipina ou a qualquer outro dos seus componentes. Além disso, a Amlodipina não deve ser utilizada em caso de:

  • Tensão arterial muito baixa
  • Estreitamento da válvula aórtica
  • Choque cardiogénico
  • Insuficiência cardíaca após ataque cardíaco

Fale com o seu médico sobre o uso de Amlodipina, caso sofra destes ou de outros problemas. Para uma lista de contraindicações, consulte o folheto na embalagem.

Gravidez / aleitamento

Existem poucos dados sobre o efeito de Amlodipina no feto ou em crianças. Fale com o seu médico sobre o uso de Amlodipina se estiver grávida, a amamentar ou se planear engravidar.

Interações com outros medicamentos

É possível que ocorram interações entre a Amlodipina e os seguintes medicamentos, entre outros (consulte o folheto para a lista completa):

  • Outros fármacos antihipertensivos
  • Alguns medicamentos para o HIV
  • Telaprevir (hepatite C)
  • Bloqueadores alfa

Avise o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar um destes ou outros medicamentos.

Condução

Uma vez que a Amlodipina baixa a tensão arterial, poderá sentir tonturas no início do tratamento. Normalmente, esses sintomas desaparecerão no decorrer do tratamento. Não deve conduzir até que os sintomas desapareçam.

Álcool

O álcool provoca o alargamento dos vasos sanguíneos. A Amlodipina tem o mesmo efeito. Isto poderá aumentar os efeitos secundários e as tonturas. Deve por isso ter cuidado com as bebidas alcoólicas.