• Tricomoníase

Tricomoníase

A Tricomoníase é uma DST (doença sexualmente transmissível, também conhecida como uma doença venérea) que pode ser espalhada através do sexo desprotegido. Após algumas semanas, podem surgir sintomas desagradáveis que afetam principalmente as mulheres. A tricomoníase pode tratada corretamente com medicação.

  1. 1
    É você quem escolhe o seu tratamento

    Conheça as possibilidades e escolha o tratamento que mais lhe convier.

  2. 2
    Nós fornecemos-lhe a assistência necessária

    Um médico analisará o seu questionário médico e enviará a sua receita para uma das farmácias afiliadas.

  3. 3
    Entregas ao domicílio sem complicações

    Receberá a encomenda em sua casa de forma rápida e cómoda.

Leia mais

O que é o trichomonas vaginalis?

A tricomoníase é causada pelo parasita trichomonas vaginalis. Este organismo instala-se nas membranas mucosas da uretra, vagina ou bexiga.

Depois de uma infeção pelo parasita da tricomoníase, não há sintomas imediatos. A maioria das pessoas não sabem que estão infetadas com a DST. Isto permite-lhes passar a doença para outros sem serem detetados.

Os sintomas aparecerem após algum tempo, isto acontece principalmente nas mulheres, mas os homens também podem sofrer de uma infeção por tricomoníase. Em geral, a tricomoníase é uma DST que não é considerada perigosa. No entanto, esta condição pode causar complicações em mulheres grávidas.

Tricomoníase sintomas

A tricomoníase pode ser reconhecida através de sintomas específicos. O período médio de incubação desta DST é de 1 a 4 semanas, pelo que uma infeção não é imediatamente percetível. Por vezes, pode demorar anos. Muitos homens não têm qualquer sintoma de tricomoníase. As mulheres geralmente têm sintomas desta DST.

Odor tricomoníase e outros sintomas de tricomoníase nas mulheres:

  • Vagina e/ou lábios sensíveis, inflamados ou com comichão;
  • Dor durante a relação sexual;
  • Quantidade elevada de secreção vaginal. A cor é, muitas vezes, amarelo-esverdeado e espumosa. A secreção pode ter também mau cheiro devido à tricomoníase;
  • Dor e/ou sensação de ardor ao urinar;
  • Durante a gravidez: risco mais Elevado de parto prematuro ou nascimento de bebé com baixo peso.

Nas mulheres, a DST pode ser contagiosa durante meses ou até anos.

Tricomoníase nos homens: sintomas específicos de tricomoníase nos homens:

  • Secreção no pénis. A secreção é bastante aquosa e de cor branca;
  • Inflamação das glandes do pénis;
  • Dor e/ou sensação de ardor ao urinar.

Nos homens, os sintomas geralmente desaparecem após cerca de cinco semanas. Sem sintomas, já não existe risco de contágio.

Causas da tricomoníase

Pode contrair tricomoníase ao ter relações sexuais desprotegidas, ou seja, sem preservativo. A infeção ocorre quando as membranas mucosas dos genitais entram em contacto umas com as outras. O parasita é também encontrado em secreções vaginais, no líquido pré-ejaculatório e sémen.

A tricomoníase é transmitida através do sexo vaginal. Com sexo anal e oral, não há risco de infeção por tricomoníase.

O sexo seguro é a melhor maneira de prevenir uma infeção por tricomoníase, por isso use sempre um preservativo.

Teste tricomoníase

Os sintomas da tricomoníase são semelhantes aos sintomas de outras condições tais como clamídia, vaginose bacteriana ou gonorreia. Um teste de DST ajudará a determinar se tem tricomoníase.

Se tiver sintomas de tricomoníase, faça um teste o mais rápido possível. Recomenda-se um teste de DST se não tiver um parceiro regular e tiver tido relações sexuais desprotegidas. Seja sempre testado se tiver tido contacto sexual com alguém que (em retrospetiva) parece estar infetado com tricomoníase.

Os testes de tricomoníase são realizados por um médico. Os homens apenas necessitam de uma amostra de urina. Nas mulheres, é retirado muco da vagina com um cotonete. De seguida, a amostra é examinada num laboratório para detetar a presença do parasita da tricomoníase.

Também pode optar por fazer um autoteste para tricomoníase. Se o resultado do seu teste de tricomoníase for negativo, mas os problemas persistirem, deve procurar aconselhamento médico.

Se o resultado for positivo, procure tratamento. Se foi infetado com tricomoníase, é mais provável que tenha contraído outras doenças venéreas. Assim, faça também o teste para outras DST.

Nota: período de incubação da tricomoníase

Nota: A tricomoníase só é detetável a partir de 4 semanas após a infeção, por isso não teste muito cedo pois pode resultar num falso negativo.

Se tiver uma variedade de sintomas imediatamente após uma possível infeção, é geralmente possível testar mais cedo. Um médico ou farmacêutico poderá aconselhá-lo.

O que fazer se tiver tricomoníase?

Receba tratamento o mais rápido possível se estiver infetado com o parasita da tricomoníase. Isto evita que a doença se espalhe. Também deve informar qualquer pessoa com a qual tenha tido contacto sexual no mês anterior ao seu teste positivo. É importante que também sejam testados.

Tricomoníase tratamento

A tricomoníase é causada por um parasita. Os médicos lutam contra este agente da DST com antibióticos. Estes medicamentos matam o parasita vaginal da tricomoníase.

Geralmente, no tratamento habitual da tricomoníase, utiliza-se um tipo específico de antibiótico, nomeadamente:

  • Metronidazol. O tratamento antibiótico da tricomoníase com este fármaco geralmente dura apenas 1 dia sob a forma de várias cápsulas ou comprimidos.

Normalmente, o seu parceiro também receberá tratamento, mesmo que não tenha sintomas.

Antibióticos para a tricomoníase: informação importante

Tenha em mente o seguinte durante o tratamento de tricomoníase:

  • O medicamento metronidazol reage muito fortemente ao álcool. Esta combinação pode causar efeitos colaterais graves. Por isso, evite beber álcool durante três dias após a toma deste medicamento;
  • Medicamentos contra a tricomoníase podem causar efeitos colaterais. Na maioria dos casos, estes incluem dores de cabeça, problemas gastrointestinais, um gosto metálico na boca e tonturas. Não se esqueça de ler o folheto informativo fornecido com o medicamento. Aqui, encontrará mais informações sobre a utilização de antibióticos e os possíveis efeitos secundários;
  • Tome todos os comprimidos/cápsulas receitados. Se não tomar o suficiente, a infeção pode voltar;
  • Consulte um médico se sentir algum efeito colateral do fármaco;
  • Ainda pode estar contagioso durante uma semana após o tratamento. Por isso, deve evitar ter relações sexuais durante essa semana;
  • Um ciclo de antibióticos só ajuda contra uma infeção atual. Após o tratamento, pode contrair tricomoníase novamente se tiver relações sexuais desprotegidas com uma pessoa infetada. Portanto, use sempre um preservativo.

Medicação com receita para a Tricomoníase

Muitos medicamentos contra a tricomoníase requerem receita médica. Pode solicitar um ciclo de tratamento adequado na Dokteronline. O seu pedido será avaliado por um médico com base no questionário médico que tenha preenchido. Enviaremos uma receita para uma farmácia, que enviará o medicamento para a sua casa, discretamente.

Tem mais questões sobre a tricomoníase ou o tratamento para a tricomoníase? Consulte um médico ou farmacêutico.

Voltar para o início