Política de opiáceos

Os analgésicos opiáceos podem provocar habituação e dependência se forem usados prolongadamente. Embora Dokteronline.com não se trate de uma farmácia ou instituição médica e por isso não esteja envolvido nem influencie a prescrição e fornecimento de analgésicos opiáceos, desejamos garantir uma utilização o mais correta e segura possível. Aplicam-se assim as seguintes diretrizes: 
 
1. Dokteronline.com pode colocá-lo em contacto com um médico independente e registado na UE que o poderá ajudar e, possivelmente, prescrever um tratamento com um analgésico opiáceo. No entanto, os tratamentos com analgésicos opiáceos estão limitados em termos de dosagem e quantidade de cápsulas/comprimidos/gotas. Consulte para isso a página Limite de opiáceos
 
2. Se um pedido de analgésico opiáceo exceder os limites estabelecidos, o médico não passará receita ou apenas a passará quando o tempo de intervalo aplicável expirar, isto segundo o critério do médico.  

 
3. Se o médico considerar que as suas respostas ao questionário médico não são suficientemente específicas para efetuar um diagnóstico, o médico poderá pedir-lhe mais informações sobre os seus sintomas ou doença. Por exemplo: se preencher apenas "dor" ou "dor de cabeça" essa informação provavelmente será considerada insuficiente, uma vez que não permite conseguir um diagnóstico adequado com base no qual possa ser passada uma receita. 

4. O médico será particularmente cuidadoso na prescrição de analgésicos opiáceos a pessoas jovens (com menos de 25 anos), pois é raro que as pessoas nesta faixa etária tenham problemas que exijam esse tipo de medicação. 
 
5. Se existirem suspeitas de pedidos de consultas de diferentes formas ou através de diferentes canais para receita de analgésicos opiáceos para uma só pessoa, o médico poderá decidir não prescrever o tratamento solicitado. Em tais casos, Dokteronline.com reserva-se também o direito de não encaminhar o seu pedido para outro médico. 
 
6. Quando um médico decide não prescrever analgésicos opiáceos, essa decisão é exclusivamente baseada na avaliação médica da situação do paciente. Em caso de opinião negativa de um médico, qualquer novo pedido igual será provavelmente recusado também. Nesse caso, o paciente deve entrar em contacto com o seu próprio médico de família. 
 
7. Em caso de uso indevido dos nossos serviços, o cliente (e a sua conta) será colocado na "lista negra" da nossa empresa, o que significa que deixará de poder utilizar os serviços de Dokteronline.com. Considera-se, entre outros, que existe uso indevido se os pedidos de consulta forem feitos através de contas diferentes. 

Mostrar mais