Cialis

  • Tratamento da disfunção eréctil
  • Melhora temporariamente a capacidade de ereção
  • Atua após cerca de meia hora
  • Atua durante cerca de 36 horas
  • Não deve ser combinado com alguns medicamentos

Sobre Cialis

CIALIS destina-se ao tratamento da disfunção erétil em homens adultos. Fala-se de disfunção erétil quando um homem não consegue ter ereção ou não consegue manter a ereção para conseguir ter atividade sexual por tempo suficiente.
CIALIS pertence a um grupo de fármacos denominados inibidores da fosfodiesterase tipo 5. Após a estimulação sexual, CIALIS permite que os vasos sanguíneos do pénis relaxem deixando assim que o sangue flua para o pénis, o que permite uma melhor ereção. CIALIS não funciona caso não exista disfunção erétil.
É importante saber que CIALIS não atua se não existir estimulação sexual. O utilizador e o seu parceiro devem saber que é necessária estimulação sexual prévia (preliminares), tal como se não tomasse qualquer medicamento para a disfunção erétil.

Utilização/atuação

Geralmente, a dose recomendada é de um comprimido de 10 mg administrado antes da atividade sexual. Se esta dosagem não produzir um efeito adequado, o médico pode aumentar a dose até 20 mg.

Os comprimidos CIALIS são tomados oralmente. Os comprimidos devem ser deglutidos por inteiro com água. CIALIS pode ser tomado com ou sem alimentos.

O comprimido CIALIS deve ser tomado pelo menos 30 minutos antes da atividade sexual. O efeito de CIALIS pode durar até 36 horas após a toma do comprimido. É importante notar que CIALIS não produz efeito se não houver estimulação sexual.

Beber álcool pode afetar a capacidade de conseguir ter uma ereção e pode baixar temporariamente a tensão arterial. Se tiver tomado ou estiver a planear tomar CIALIS, evite o excesso de álcool (nível de álcool no sangue de 0,08 % ou superior), dado que isto pode aumentar o risco de tonturas quando se levantar.

NÃO utilizar CIALIS mais de uma vez por dia. CIALIS 10 mg e 20 mg destina-se a ser utilizado antes da atividade sexual prevista e não é recomendada uma utilização diária contínua. CIALIS deve ser utilizado conforme indicado pelo médico. Em caso de dúvida, consulte um médico ou farmacêutico.

Quando não se deve utilizar o medicamento

Não deve utilizar CIALIS nas seguintes situações:

  • Se tem alergia (hipersensibilidade) ao tadalafil ou a qualquer outro componente de CIALIS;
  • Se estiver a tomar qualquer forma de nitrato orgânico ou dadores de óxido nítrico (como o nitrito de amilo). Este é um grupo de medicamentos (nitratos) utilizados no tratamento da angina de peito (dor no peito). CIALIS tem mostrado aumentar os efeitos destes medicamentos. Se estiver a tomar qualquer forma de nitrato ou não tem a certeza disso, informe o seu médico;
  • Se tiver doença cardíaca grave ou se teve recentemente um ataque cardíaco;
  • Se teve recentemente um acidente vascular cerebral;
  • Se sofre de hipotensão ou hipertensão não controlada;
  • Se alguma vez teve perda de visão devido a neuropatia ótica isquémica anterior não arterítica (NAION), uma doença descrita algumas vezes como “acidente vascular ocular”.

Quando deve ter cuidados adicionais com este fármaco?

Tenha consciência de que a atividade sexual acarreta um possível risco para os doentes cardíacos, porque provoca um esforço adicional para o coração. Se tiver um problema de coração informe o seu médico.

De seguida, encontram-se listadas algumas razões pelas quais CIALIS pode não ser adequado para si. Se alguma destas situações se aplicar a si, fale com o seu médico antes de tomar este medicamento:

  • Se sofrer de anemia de células falciformes (uma anomalia nos glóbulos vermelhos), mieloma múltiplo (cancro da medula), leucemia (cancro das células sanguíneas) ou malformação do pénis;
  • Se sofrer de doença hepática grave;
  • Se sofrer de doença renal grave.

Desconhece-se se CIALIS é eficaz em doentes que foram submetidos a cirurgia pélvica ou a uma prostatectomia radical com ablação de nervos.

Se teve diminuição ou perda de visão súbita, pare de tomar CIALIS e contacte imediatamente o seu médico.

CIALIS não se destina a ser utilizado por adolescentes com idades inferiores a 18 anos nem por mulheres.

Toma outros medicamentos?

Informe o seu médico se estiver a tomar outros medicamentos (com ou sem receita), ou se os tiver tomado recentemente. Isto é especialmente importante se estiver a tomar nitratos uma vez que não deve tomar CIALIS se estiver a tomar estes medicamentos.

Os medicamentos chamados bloqueadores alfa são usados no tratamento da tensão arterial alta ou da hiperplasia benigna da próstata. Informe o seu médico se estiver a tomar medicamentos para estas patologias ou se estiver a tomar outros medicamentos para tratamento da hipertensão.

Se estiver a tomar medicamentos que podem inibir uma enzima chamada CYP3A4 (por exemplo, cetoconazol ou inibidores da protease para o tratamento do VIH), a frequência dos efeitos secundários pode aumentar.

Não tome CIALIS com outros medicamentos se o seu médico lhe disser para não o fazer.

Não deve tomar CIALIS com outros medicamentos para tratamento da disfunção erétil.

Efeitos secundários

Como todos os medicamentos, CIALIS pode causar efeitos secundários, embora estes não se manifestem em todas as pessoas. Estes efeitos são normalmente moderados por natureza. Os efeitos secundários mais comuns de CIALIS são:

  • Dores de cabeça;
  • Lombalgias (dores nas costas);
  • Dores musculares;
  • Enrubescimento;
  • Congestão nasal;
  • Tonturas;
  • Perturbações gastrointestinais.

Outros efeitos secundários relatados durante o uso de CIALIS incluem:

  • Erupções cutâneas;
  • Visão turva;
  • Dores oculares;
  • Transpiração;
  • Palpitações/batimento cardíaco acelerado;
  • Tensão arterial alta/baixa;
  • Dores no peito.

No folheto informativo poderá consultar um resumo completo de todos os efeitos secundários possíveis. Consulte um médico se verificar efeitos secundários graves ou que não estão mencionados no folheto informativo.

Composição

A substância ativa é o tadalafil. Cada comprimido contém 10 mg ou 20 mg de tadalafil.

Os restantes ingredientes são:

  • Núcleo do comprimido: lactose monoidratada, croscarmelose sódica, hidroxipropilcelulose, celulose microcristalina, lauril sulfato de sódio, estearato de magnésio.
  • Revestimento: lactose monoidratada, hipromelose, triacetina, dióxido de titânio (E171), óxido de ferro amarelo (E172), talco.

CIALIS é fabricado por: Lilly S.A., Avda. de la Industria 30, 28108 Alcobendas, Madrid, Espanha.

Folheto informativo

Antes de utilizar, leia integralmente as instruções de utilização de CIALIS. Poderá descarregar aqui o folheto informativo oficial.

Folheto(s) para o paciente
Voltar para o início