Directly go to the content
Salofalk

Salofalk

Salofalk é um fármaco que inibe as reações inflamatórias na parede intestinal, para além de impedir também a formação de novas inflamações. A substância ativa mesalazina pertence ao grupo dos chamados ácido 5-aminossalicílicos. 

Salofalk contém mesalazina, um fármaco utilizado no tratamento de inflamações da parede intestinal. Este fármaco está disponível sob a forma de supositórios, comprimidos, grânulos, espuma e enemas. 

O que é Salofalk? 

Salofalk é um fármaco que inibe as reações inflamatórias na parede intestinal, para além de impedir também a formação de novas inflamações. A substância ativa mesalazina pertence ao grupo dos chamados ácido 5-aminossalicílicos. 

Quando se deve usar Salofalk? 

Salofalk é prescrito em caso de inflamações crónicas do trato gastrointestinal, como por exemplo: 

  • Colite ulcerosa Esta doença caracteriza-se pela inflação da mucosa do intestino grosso. Isto é acompanhado por sintomas como diarreia (geralmente com sangue e muco), dores abdominais, fadiga, dores no ânus e sangramento retal. Por vezes as queixas diminuem (fase de remissão) e voltam depois a surgir novamente. A colite ulcerosa geralmente começa no reto e espalha-se para o cólon. Quando a doença afeta apenas o reto, é denominada proctite ulcerosa. 
  • Doença de Crohn. Também esta doença é caracterizada pela inflamação do trato intestinal. No entanto, no caso da doença de Crohn, para além do cólon e do reto, também o intestino delgado pode sofrer inflamações. Os sintomas da doença de Crohn incluem dores abdominais, diarreia, febre e falta de apetite. Por vezes existe formação de fístulas e constrições no intestino. Além disso, muitos pacientes também sofrem de dores nas articulações e inflamação noutros órgãos. A doença tem fases ativas com sintomas agudos e fases calmas (fases de remissão).  

Salofalk faz com que os sintomas da inflamação diminuam, permitindo assim aliviar as queixas do doente. Usado a longo prazo, Salofalk pode reduzir o número de episódios. Além disso, os novos episódios são de menor gravidade. 

Como deve ser usado Salofalk? 

Este medicamento está disponível em diferentes variantes. As diretrizes gerais para utilização de Salofalk são as seguintes: 

  • Salofalk comprimidos: Tome os comprimidos imediatamente a seguir à refeição. Deve deglutir o comprimido por inteiro. Os momentos de tomada dos comprimidos devem ser divididos regularmente ao longo do dia. 
  • Salofalk Granu Stix granulado: Tome o conteúdo da saqueta de granulado com muito líquido. Deve colocar os grânulos diretamente sobre a língua e degluti-los, sem mastigar. O granulado possui um revestimento especial resistente ao suco gástrico que não deve ser eliminado. 
  • Salofalk enema: Um enema é usado apenas para queixas no reto (a última parte do intestino mesmo acima do ânus). Administre o enema à noite antes de se deitar seguindo para isso as instruções no folheto informativo. O medicamento deve ser retido no intestino tanto tempo quanto possível, de preferência durante toda a noite, para que o fármaco produza o maior efeito. 
  • Salofalk supositórios: Os supositórios são usados apenas para queixas no reto (a última parte do intestino mesmo acima do ânus). Os supositórios devem ser aplicados por via retal. O supositório deve ser aplicado à noite antes de se deitar. 
  • Salofalk espuma: A espuma destina-se exclusivamente a uso retal. Aplique a espuma no ânus, seguindo para isso as instruções no folheto informativo. Em princípio, a espuma só deve ser aplicada antes de se deitar. Se tiver dificuldade em reter esta quantidade de espuma, pode fazer a administração em duas doses separadas, com uma aplicação ao deitar e outra durante a noite ou de manhã cedo. Antes da administração da espuma deve tentar ir à casa de banho para evacuar de forma a facilitar a aplicação. 

No folheto informativo, encontrará mais informações sobre a administração de Salofalk. 

O medicamento está disponível em que doses? 

Salofalk está disponível em diferentes variantes e dosagens. Siga sempre as instruções do médico que lhe prescreveu este medicamento. As diretrizes gerais de dosagem para adultos são as seguintes: 

  • Salofalk comprimidos: na colite ulcerosa: na fase aguda 2 a 4,5 gramas por dia, dividido por 3 a 4 doses. A dose máxima de manutenção na fase de remissão é de 500 mg três vezes ao dia. 
  • Na doença de Crohn: na fase aguda, máximo de 4,5 g por dia, dividido por 4 doses. A dose máxima de manutenção na fase de remissão é de 2 g por dia, dividido por 3 doses. 
  • Salofalk Granu-Stix: na fase aguda 1,5 a 3 gramas uma vez por dia (de preferência de manhã) ou 500 a 1000 mg três vezes ao dia. A dose de manutenção é de 500 mg três vezes ao dia ou 3 gramas uma vez ao dia (de preferência de manhã). 
  • Salofalk enema: na fase aguda 1 enema de 2 g/30 g duas vezes ao dia ou 1 enema de 4 g/60 g uma vez ao dia antes de deitar. A dose de manutenção na fase de remissão é de 1 enema de 2 g/30 g ou de 2 g/60 g antes de deitar ou 1 enema de 4 g/60 g em dias alternados ou de dois em dois dias. Na proctite ulcerosa, a dose de manutenção recomendada na fase de remissão é de 1 enema de 2g/30g antes de deitar. 
  • Supositórios Salofalk: na fase aguda 1 supositório de 500 mg três vezes ao dia ou 1 supositório de 1 g uma vez ao dia ao deitar. A dose de manutenção na fase de remissão é de 1 supositório de 250 mg três vezes ao dia. 
  • Salofalk espuma: 2 aplicações à noite, eventualmente dividias por 2 doses (a segunda dose deve ser então aplicada a meio da noite ou de manhã cedo).  

Para crianças, aplica-se uma dose diferente relativamente aos comprimidos e ao granulado. Salofalk em enemas, supositórios e espuma não são indicados para crianças. No folheto informativo, encontrará mais informações sobre a dosagem recomendada. 

Quais são os efeitos secundários de Salofalk? 

Durante o tratamento com Salofalk, algumas pessoas poderão observar efeitos secundários. Os efeitos secundários possíveis são, entre outros: 

  • Dores de cabeça; 
  • Perturbações gastrointestinais; 
  • Erupções cutâneas; 
  • Prurido; 
  • Cansaço; 
  • Irritação no ânus (em caso de utilização de supositórios, enemas ou espuma). 

Comunique os efeitos secundários que sente a um médico ou farmacêutico. Consulte um médico se verificar efeitos secundários graves. No folheto informativo poderá ver um resumo completo de todos os efeitos secundários possíveis. 

Quando não se deve usar Salofalk? 

Salofalk não é um medicamento indicado para todos. Não use este medicamento se, por exemplo: 

  • Tiver hipersensibilidade à substância ativa mesalazina, salicilatos (como ácido salicílico na aspirina) ou a qualquer um dos excipientes do medicamento; 
  • Sofrer de doença hepática ou renal grave; 

Sofre de problemas pulmonares (como asma), tem distúrbios da função hepática ou renal ou é hipersensível à sulfassalazina? Nesse caso, deve ter cuidados adicionais com este fármaco. Fale com um médico sobre a utilização de Salofalk. 

Se estiver grávida, apenas deve usar Salofalk sob supervisão de um médico. Este fármaco é parcialmente excretado no leite materno. Não use este medicamento se estiver a amamentar a menos que um médico o recomende. 

No folheto informativo, encontrará mais informações sobre as contraindicações e outras advertências. 

Salofalk pode ser usado em combinação com outros medicamentos? 

Alguns medicamentos interagem uns com os outros. No caso de Salofalk, isso pode acontecer em combinação com os seguintes medicamentos: 

  • Azatioprina, 6-mercaptopurina ou tioguanina (usados em caso de distúrbios do sistema imunológico); 
  • Alguns retardadores da coagulação do sangue, como a varfarina; 
  • Lactulose ou outros medicamentos que diminuem a acidez no intestino. 

Fale com um médico se estiver a tomar algum destes medicamentos. No folheto informativo, encontrará mais informações sobre este assunto. 

Onde posso comprar Salofalk? 

Salofalk está disponível apenas em farmácias. Este fármaco não está disponível em parafarmácias. 

Posso comprar Salofalk sem receita? 

Uma vez que Salofalk é um medicamento sujeito a receita médica, necessitará sempre de receita médica para encomendar o produto. 

Referência da fonte 

College ter Beoordeling van Geneesmiddelen. [Instituto para a Avaliação de Medicamentos] (2019a, 1 de setembro). Salofalk 2 g/30 g, klysma [Salofalk 2 g/30 g, enema] | Geneesmiddeleninformatiebank. Consultado a 28 de abril de 2020, em https://www.geneesmiddeleninformatiebank.nl/ords/f?p=111:3::SEARCH:NO::P0_DOMAIN,P0_LANG,P3_RVG1:H,NL,15393 

College ter Beoordeling van Geneesmiddelen. [Instituto para a Avaliação de Medicamentos] (2019b, 1 de setembro). Salofalk 250, maagsapresistente tabletten 250 mg [Salofalk 250, comprimidos gastrorresistentes 250 mg] | Geneesmiddeleninformatiebank. Consultado a 28 de abril de 2020, em https://www.geneesmiddeleninformatiebank.nl/ords/f?p=111:3::SEARCH:NO::P0_DOMAIN,P0_LANG,P3_RVG1:H,NL,11086 

College ter Beoordeling van Geneesmiddelen. [Instituto para a Avaliação de Medicamentos] (2019c, 1 de setembro). Salofalk 1000 mg Granu-Stix, maagsapresistent granulaat met verlengde afgifte [Salofalk 1000 mg Granu-Stix, Granulado gastrorresistente de libertação prolongada] | Geneesmiddeleninformatiebank. Consultado a 28 de abril de 2020, em https://www.geneesmiddeleninformatiebank.nl/ords/f?p=111:3::SEARCH:NO::P0_DOMAIN,P0_LANG,P3_RVG1:H,NL,2813

College ter Beoordeling van Geneesmiddelen. [Instituto para a Avaliação de Medicamentos] (2019d, 1 de setembro). Salofalk Schuim, 1 g/dosis schuim voor rectaal gebruik [Salofalk espuma, 1 g/dose de espuma para aplicação retal] | Geneesmiddeleninformatiebank. Consultado a 28 de abril de 2020, em https://www.geneesmiddeleninformatiebank.nl/ords/f?p=111:3::SEARCH:NO::P0_DOMAIN,P0_LANG,P3_RVG1:H,NL,28179 

College ter Beoordeling van Geneesmiddelen. [Instituto para a Avaliação de Medicamentos] (2019e, 1 de setembro). Salofalk zetpil 250, zetpillen 250 mg [Salofalk supositório 250, supositórios 250 mg] | Geneesmiddeleninformatiebank. Consultado a 28 de abril de 2020, em https://www.geneesmiddeleninformatiebank.nl/ords/f?p=111:3::SEARCH:NO::P0_DOMAIN,P0_LANG,P3_RVG1:H,NL,10115 

Crohn en Colitis Ulcerosa Vereniging Nederland (CCUVN) [Associação Neerlandesa da Doença de Crohn e Colite Ulcerosa]. (sem data). Inflammatory bowel diseases (IBD): Crohn en colitis ulcerosa. [Doenças inflamatórias do intestino (DII): Doença de Crohn e Colite Ulcerosa]. Consultado a 28 de abril de 2020, em https://www.crohn-colitis.nl/ibd/ 

KNMP. (2019, 3 de dezembro). Mesalazine [Mesalazina] – Apotheek.nl. Consultado a 28 de abril de 2020, em https://www.apotheek.nl/medicijnen/mesalazine#! 

Zorginstituut Nederland [Instituto Holandês da Saúde]. (sem data). Mesalazine [Mesalazina] – FarmacotherapeutischKompas. Consultado a 28 de abril de 2020, em https://www.farmacotherapeutischkompas.nl/bladeren/preparaatteksten/m/mesalazine