Para homens rejuvenescimento de testosterona homem com neto num banco a rir
  • Saúde dos homens
  • Testosterona

Testosterona

A hormona sexual masculina é importante para muitas funções corporais. Um défice desta hormona pode causar uma variedade de problemas. Felizmente, há algo que pode ser feito em relação a isto, como ajustar certos hábitos. Mas, também há medicamentos que podem ajudar a aumentar o seu nível de testosterona. Nesta página, pode ler mais sobre os sintomas, as causas e as opções de tratamento para o défice de testosterona.

Tratamentos

Todos os tratamentos
  • Todos os tratamentos
  • Só com receita médica
  • Só sem receita médica
Relevância
  • Relevância
  • Nome A-Z
  • Nome Z-A
  • Preço baixo-alto
  • Preço alto-baixo

O que é Dokteronline?

Dokteronline é um website informativo e um serviço para clientes online. O serviço Dokteronline não oferece produtos ele próprio, mas garante produtos genuínos seguros e rápidos, fornecidos de forma discreta por farmácias independentes registadas e regulamentadas. Se necessário, também é possível marcar consultas junto de médicos da UE, devidamente habilitados e registados. Assim, Dokteronline oferece um serviço integral e completo (eHealth) e não se trata de um médico online, ou farmácia online. Consulte os Termos e Condições para mais detalhes.

  1. 1
    É você quem escolhe o seu tratamento

    Conheça as possibilidades e escolha o tratamento que mais lhe convier.

  2. 2
    Nós fornecemos-lhe a assistência necessária

    Um médico analisará o seu questionário médico e enviará a sua receita para uma das farmácias afiliadas.

  3. 3
    Entregas ao domicílio sem complicações

    Receberá a encomenda em sua casa de forma rápida e cómoda.

Leia mais

O que é a testosterona?

A testosterona é conhecida como a principal hormona sexual masculina. A testosterona é responsável pelas características sexuais primárias e secundárias nos homens. Além disso, esta hormona influencia todos os tipos de funções corporais, tais como:

  • A libido. A testosterona proporciona a homens e mulheres um desejo sexual suficiente, ou desejo sexual;
  • Capacidade de ereção e produção de esperma;
  • Armazenamento de gordura. A hormona sexual masculina afeta o local no qual o corpo armazena gordura e elimina a mesma;
  • A formação de massa muscular;
  • Força óssea;
  • O sistema imunológico;
  • Pressão arterial e nível de açúcar no sangue.

A testosterona é produzida pelo corpo. Nos homens isto acontece principalmente nos testículos. Os ovários das mulheres também produzem testosterona, mas em menor quantidade.

A produção de testosterona varia. Se for produzida testosterona insuficiente, pode desenvolver-se uma deficiência. A falta de testosterona também é conhecida como défice de testosterona. Ocorre tanto em homens como em mulheres, embora os homens estejam mais propensos a sofrer deste défice.

Quando se torna um problema?

Se tem falta de testosterona, é sensato fazer algo em relação a isso. Um défice de hormonas masculinas pode ser diagnosticado através de um teste de saliva ou exame de sangue. Pode fazer um destes testes se tiver sintomas que indiquem um baixo nível de testosterona.

Sintomas do défice de testosterona

A testosterona é importante na regulação de uma série de processos no corpo. Uma deficiência destas hormonas masculinas manifesta-se numa variedade de sintomas. Os sintomas do défice de testosterona incluem:

  • Alterações de humor, irritabilidade e sensação de depressão;
  • Problemas de memória;
  • Problemas para dormir;
  • Cansaço, letargia;
  • Diminuição do desejo sexual;
  • Disfunção erétil/ereções mais fracas;
  • Problemas de fertilidade;
  • Diminuição da massa muscular e força muscular;
  • Diminuição dos pelos do corpo;
  • Mais gordura abdominal;
  • Anemia;
  • Excesso de suor.

Outras consequências de uma deficiência de testosterona são:

  • Descalcificação óssea (osteoporose);
  • Diabetes tipo 2;
  • Distúrbios cardiovasculares, tais como o aumento dos níveis de colesterol, a pressão arterial alta e a arteriosclerose.

Se o seu teste de testosterona mostrar que os seus níveis estão normais, mas ainda está a sentir os sintomas acima descritos, deve procurar aconselhamento médico. Se o teste indicar um défice, pode obter tratamento para aumentar os níveis de testosterona e combater, desta forma, os sintomas.

Causas do défice de testosterona

Há vários fatores que podem levar a um défice de testosterona. As causas mais conhecidas do défice de testosterona são:

  • A idade. O corpo começa a produzir menos testosterona à medida que envelhecemos. Começa por volta dos 40 anos. Nos homens com 75 anos, os níveis de testosterona são, em média, apenas 65% em relação aos homens mais novos. Em alguns homens, a quantidade de testosterona desce mais rápido do que o habitual, causando uma série de problemas. Quando isto acontece trata-se de hipogonadismo primário ou hipogonadismo secundário.
  • Problemas com os testículos. A testosterona é produzida principalmente nos testículos. A produção de testosterona pode estagnar devido a distúrbios testiculares. Por exemplo, devido a uma torção ou traumatismo testicular ou danos causados pela radiação.
  • Problemas no controlo da produção de testosterona. O cérebro envia sinais aos testículos para produzir testosterona. Poderá haver algum problema neste processo, por exemplo, se existir um tumor cerebral ou uma lesão cerebral. A desnutrição ou anorexia também podem interromper a comunicação entre o cérebro e os testículos.

Tratamento e medicação para o défice de testosterona

Um défice da hormona masculina testosterona é facilmente tratado nos dias de hoje. Inicialmente, há vários métodos que pode experimentar sozinho. Se esses não ajudarem, há medicação para o ajudar a tratar do problema.

Testosterona como aumentar

O estilo de vida pode ter muita influência na produção de hormonas sexuais masculinas. Eis algumas dicas para um aumento natural da testosterona:

  • Treino de força, com foco em exercícios curtos e intensos. Certifique-se de que treina todos os seus grupos musculares, com reforço nos seus maiores grupos musculares (coxas, costas, peito) com intensidade extra. O treino de força tem um efeito maior na produção de testosterona do que nos desportos de resistência, como a corrida.
  • Evite (ou faça algo em relação a isso) o excesso de peso. O excesso de peso faz com que os níveis hormonais e a produção hormonal caiam o que, por sua vez, diminui o nível de testosterona.
  • Tenha um estilo de vida saudável. Com isto, queremos dizer, ingerir alimentos saudáveis, variados, equilibrados e suficientes. Peixes gordos, vitamina D e zinco são considerados bons impulsionadores de testosterona. Deve evitar o consumo de álcool e o excesso de cafeína. O exercício regular, assim como dormir o suficiente e relaxar, são igualmente importantes.

Como aumentar a testosterona utilizando as hormonas

Se as mudanças de estilo de vida acima não forem eficazes o suficiente, os medicamentos podem ajudar. O défice hormonal pode ser complementado com hormonas masculinas sintéticas, ou um suplemento de testosterona. Existem várias opções:

  • Testosterona em gel, como Androgel, Tostran e Testavan. As hormonas no gel são absorvidas no sangue através da pele. O gel deve ser aplicado na parte superior do corpo ou na parte interna das coxas, todas as manhãs.
  • Comprimidos de testosterona, como Andriol. Os comprimidos devem ser tomados duas vezes por dia.
  • Injeções de testosterona. As injeções de testosterona são administradas por um médico.

É importante que faça a dosagem correta. Nunca deve exceder a quantidade de testosterona que o seu corpo normalmente produz sozinho. Caso contrário, o tratamento pode ter consequências negativas.

Tenha em mente que os suplementos de testosterona podem causar efeitos colaterais. Os efeitos secundários conhecidos destes fármacos hormonais incluem:

  • Irritação cutânea (quando se utiliza a testosterona em gel);
  • Alargamento da próstata;
  • Acne, pele oleosa;
  • Dor de cabeça;
  • Formação mamária;
  • Problemas gastrointestinais (ao tomar comprimidos);
  • Ondas de calor, rubor;
  • Calvície, aumento dos pelos do corpo.

Os suplementos de testosterona não são adequados a toda a gente. Não poderá tomar suplementos se estiver a ser tratado com certos medicamentos devido a um risco elevado de efeitos colaterais perigosos.

Além disso, os comprimidos e o gel que contêm testosterona não devem ingeridos por mulheres grávidas ou mulheres que queiram engravidar. O ingrediente ativo é perigoso para o bebé.

Medicamentos para aumentar a testosterona masculina

Alguns suplementos de testosterona requerem uma receita médica. Pode solicitar um ciclo de tratamento adequado na Dokteronline. O seu pedido será avaliado por um médico com base no questionário médico que preencheu. Enviaremos uma receita para uma farmácia, que enviará o medicamento para a sua casa, discretamente.

Leia sempre o folheto informativo antes de tomar suplementos de testosterona. Consulte um médico ou farmacêutico caso tenha questões sobre a medicação para aumentar a testosterona.

Voltar para o início